O FUTURO DA HUMANIDE - REFLEXÕES






quarta-feira, 1 de novembro de 2017

0169-A INTERINIDADE DO MAL.


"O Mal não será eterno na odisseia humana, nem nesta vida nem na outra. O mal é finito, só se origina e se estabelece pela ignorância e pela falta do conhecimento científico e filosófico. O que estamos conquistando de geração a geração, século após século, milênio após milênio. Estabelecido o CONHECIMENTO ABSOLUTO, extinto o Mal para sempre, e, efetivado o Paraíso na Terra. Não pela magia das religiões, mas pelo absolutismo da ciência e da filosofia”.

Antonio Ferreira Rosa.

Nenhum comentário: